Categoria Clovis Saldanha

O domador de leões

Você já foi num circo? Uma das melhores coisas para se ver é uma grande jaula com um tigre ou leão dominados pelo domador. Você sabe por que esse homem carrega um banquinho de quatro pés?

Um domador carrega um chicote e uma pistola, mas sempre leva junto o banquinho, que é seu instrumento mais importante. O domador segura o banquinho de forma que possa mostrar os quatro pés para a fera. O leão tenta focar todos os pés ao mesmo tempo. E tentando focar os quatro pés, uma espécie de paralisia domina o animal. Ele se torna fraco e dominado porque teve sua atenção dividida.

Os felinos selvagens como leão ou tigre não são as únicas criaturas afetadas com esse problema. Nós também nos tornamos incapazes de executar nossas tarefas quando nossa atenção fica dividida entre várias coisas.

Qual deve ser o foco de um líder eficaz? Prioridade e atenção. Se conhecermos nossas prioridades, mas não dermos atenção ao que estamos fazendo, não vamos conseguir fazer. Se dermos atenção, mas sem prioridades, fazemos as coisas e não progredimos. Quando juntamos os dois elementos, reunimos o potencial para realizar grandes coisas.

Como devemos concentrar nosso tempo e energia?

1. Concentre 70% em seus pontos fortes. Líderes eficazes dedicam mais tempo no que fazem bem. Um grande violinista não sabia tocar flauta muito bem. Descubra seus pontos fortes e dedique-se a desenvolvê-los com temo, energia e recursos.

2. Concentre 25% em coisas novas. Se você deseja melhorar, deve estar em constante mudança e desenvolvimento. Dedique parte de seu tempo a coisas novas relacionadas a sua área forte.

3. Concentre 5% em seus pontos fracos. Ninguém pode deixar de trabalhar totalmente seus pontos fracos. O segredo é minimizá-los o máximo possível. Como? Delegando a outras pessoas. Assim poderá ocupar-se daquilo que faz melhor.

Para melhorar seu foco, mude para os pontos fortes, faça uma lista das três ou quatro coisas que você faz bem no seu trabalho e dedique-se a eles, delegando seus pontos fracos.видеоняня switel bcf990translate work to spanish

Share

Trabalhar em equipe

O médico avisou sua secretária que iria receber um amigo e que ela deveria ser educada com ele.

O amigo chegou e a secretária imediatamente apontou-lhe a porta do seu patrão, sem dizer uma única palavra.

Após a conversa, o médico acompanhou o amigo até a porta e agradeceu a visita. Virou-se para a secretária e disse:

– Eu pedi para que você fosse educado com meu amigo, e você não lhe recebeu com um sorriso, não ofereceu nem água nem café, muito menos o acompanhou até minha porta.

E a secretária se defendeu:

– Mas eu fui educada com ele, pois não o deixei esperando nem lhe fiz perguntas indiscretas.

Muitos supervisores são chamados a atenção para que trabalhem em equipe, e não conseguem explicar com clareza o que realmente querem que os colaboradores façam. Para que não fique dúvidas, relacionamos alguns exemplos de comportamento:

1. Buscar a opinião dos membros do grupo e encorajar sua participação.

2. Demonstrar respeito pelas opiniões e idéias dos outros.

3. Apoiar e agir de acordo com as decisões finais do grupo, mesmo quando tais decisões possam não refletir totalmente a sua própria opinião.

4. Trabalhar entusiasticamente com todos os funcionários, capitalizando os pontos fortes de sua diversidade.

5. Solicitar a opinião dos outros que são afetados pelos planos ou ações.

6. Expressar de maneira adequada sua própria opinião.

7. Dar crédito e reconhecimento aos que contribuem.

8. Identificar e buscar soluções das quais todas as partes possam se beneficiar.

9. Ajudar e apoiar seus colegas em seus trabalhos para contribuir para o sucesso geral da Empresa.

10. Fazer o acompanhamento das solicitações e pedidos de seus parceiros e colegas.

11. Participar, de boa vontade, da realização das metas do grupo, fazendo sua parte do trabalho.

12. Reconhecer e trabalhar os conflitos, não permanecendo calado nem retendo opiniões discordantes.

13. Compartilhar idéias, inovações e melhores práticas abertamente, bem como as falhas com os membros da equipe de forma que os outros possam se beneficiar da experiência.

14. Procurar por maneiras alternativas para trabalhar com os outros para criar melhores resultados e relacionamentos de trabalho.

15. Colocar a agenda do grupo, ou melhor, de todos, acima da agenda pessoal ou funcional.

 

Em suma, um bom trabalho em equipe é estar disposto a cooperar e trabalhar em colaboração para obter soluções que beneficiem, de maneira geral, todas as partes envolvidas; trabalhar em colaboração com os outros para atingir os objetivos da Empresa.

http://drivemir.ru/kasko-dlya-staryh-mashin-mozhno-no-dorogo как слить топливо из бака

translation in hebrew

Share

Quatro pontes para a liderança Clovis Saldanha

Contam que uma senhora levou seu filho para aprender com Gandhi. Após ficarem algumas horas na fila, finalmente foram atendidos.

A senhora falou que o menino não lhe atendia, e assim pediu que o mestre aconselhasse o garoto a comer menos açúcar. O mestre pediu-lhe que voltasse no próximo mês, trazendo o garoto junto.

Passado um mês, após enfrentar nova fila, foram recebidos pelo mestre que falou ao menino – rapaz, atenda sua mãe, coma menos açúcar.

A senhora perguntou ao mestre porque ele esperou um mês para orientar seu filho. E Gandhi respondeu que ele primeiro deveria comer menos açúcar para ter o direito de orientar o menino.

 

O que os liderados esperam de um líder antes de segui-lo? Certas pontes devem ser construídas antes que um líder possa conduzir sua equipe para uma terra de novas conquistas. Essas pontes são as mesmas, independente da profissão ou posição. E sem elas, um líder terá poucas realizações e desperdiçará o potencial das pessoas.

 

Veja as quatro pontes e saiba se você está vivendo dentro das expectativas dos que querem ter você como líder:

 

1. As pessoas querem ver CARÁTER no líder. Mais que tudo, as pessoas querem acreditar que o líder é honesto e ético. Eles querem dizer – algum dia eu quero ser como ele ou como ela. E integridade está se tornando uma qualidade cada vez mais escassa nos dias de hoje. O líder que treina, com a força de seu caráter, a integridade e a realização pessoal de sua equipe pode ter certeza de que atrairá pessoas que querem vestir a mesma roupa.

 

2. As pessoas querem sentir COMPETÊNCIA no líder. A maioria das pessoas sabe competência é a mais importante habilidade para alcançar o topo de uma empresa. Competência é qualificação, capacidade. Quando as pessoas virem que você, além de ter uma boa qualificação para a liderança, tiver um passado de resultados, eles terão confiança em aceitar você pede, mesmo que desconheçam todos os detalhes.

 

3. As pessoas querem ser DESAFIADAS pelo líder. Criando uma clara e audaciosa visão, você dará aos outros uma razão para contribuir para a causa. Para liderar nos negócios, você precisa fazer os outros verem do jeito que você está vendo, assim todos vão querer participar. Como líder, seu trabalho é conseguir a excitação das pessoas sobre o que vão realizar com esforço de cada um.

 

4. As pessoas querem sentir CONVICÇÃO no líder. Fortes convicções precedem grandes ações. Se você não acredita na visão que você está tentando passar, as pessoas sentirão que algo está faltando, e relutarão em acompanhá-lo. Entretanto, quando sua equipe sentir que você está convencido de buscar uma direção, disposto a fazer sacrifícios pessoais, eles terão mais disposição para tirar de dentro deles um esforço extra.продажа видеодомофоновtranslate from farsi to english

Share