Baltic Sea Cruise – Vision of the Seas RC-aug 11a22- 2017

-Baltic Sea Cruise – Vision of the Seas RC-aug 11a22- 2017
-Denmark-(Copenhagen). -Latvia (Rīga)
-Estonia(Tallin) -Russia-(St.Peterburg)
-Finland(Helsinki) -Sweden-(Stockholm)
-Lithuania(Klaipeda). -Poland(Gdinia and Gdansk)
– Viajar de navio é estar em hotel que a cada dia ou período de dias chega a outro destino, a outro país. É uma forma de conhecer o mundo com a nostalgia de viajar devagar. É claro, para os destinos mundiais se faz necessário ir rápido de avião para o porto de saída, na América do Norte, Caribe, Europa, Ásia, Oceania.
– Sobre o Porto de partida deste cruzeiro, Copenhagen escrevi um artigo em separado.
– LATVIA ,(Letônia )com 2 milhões de habitantes e a capital Rīga com 800mil , cidade litorânea, independente da União Soviética , do regime comunista em 1991, está uma arquitetura muito bem preservada sendo a igreja mais antiga de 1209. Os bondes antigos junto com os modernos circulam pela cidade antiga deixando um ar nostálgico permanente. A arquitetura é o que mais chama atenção e o ar da ocupação soviética comunista permanece no ar.
-Em ESTÔNIA , na cidade Tallin(capital) é uma das mais bem conservadas das ex- repúblicas soviéticas, pois não foi atingida durante a segunda guerra mundial. Em história recente ocupada pela Dinamarca, Alemanha, Rússia e agora independente .Boris Yeltzin deixou sua marca ajudando na independência. A cidade vista de cima com os telhados em metal cor marrom e com os castelos e muitas torres transporta o visitante para a idade média.
– E na primeira capital da RÚSSIA , Saint Petersburg, o forte St. Peter é St. Paul, onde começou a cidade e onde está a Catedral que é cemitério de muitos dos imperadores russos. Recentemente os restos mortais achados de parte da família de Nicolas II assassinada em 1918, receberam seu repouso final nesta catedral.
– A catedral St. Isaac é notável pelos mosaicos e colunas colossais de malaquita . É a Igreja do Salvador sobre o sangue derramado, foi construída no local onde em março de 1881 foi assassinato o o Imperador Alexander II. São 7500m2 de mosaicos, com representações de passagens da Bíblia. Colorida, ao lado do canal é um dos dez lugares mais interessantes a serem visitamos do mundo, conforme a Unesco.
– O museu Hermitage é um dos cinco maiores museus do mundo. São 3 milhões de exibições em cinco prédios interligados. Originalmente era o palácio de inverno da Catherine the Great.
-Os símbolos da Rússia, conhecidos pelo mundo são :Matrioska – símbolo fertilidade e para educação crianças. (Várias bonecas uma dentro da outra , normalmente muito coloridas).Ovos- símbolo de nova vida, ressureição, um novo começo e a árvore de natal e St.Frost , idêntico ao nosso papai Noel.
– O Palácio de verão da Chaterine , enorme e atualmente um museu estatal, foi reconstruído pois durante a segunda guerra mundial foram deixados somente em pé as paredes. A reconstrução é baseada nas fotos tiradas pela destruidores comandado por Lenin.
– Palácio em Peterhoff , com as muitas fontes e chafarizes também reconstruído . Hoje existe cerca de 200 museus estatais em Saint Petersburgo que outrora chamada de Leningrado e Petergrado. A revolução de 1918, os bolchevistas que lutaram pelo direito dos trabalhadores e vendo todos estes gastos pelos imperadores e suas mulheres , aproveitaram a oportunidade e quase tudo foi estatizado e o partido comunista subiu ao poder até a dissolução da URSS.
– E um capítulo famosa da história Russa vem com o nome de RASPUTIN , que por causa de sua grande influência sobre sobre o Imperador foi assassinado. Atualmente o palácio Yusopov, estatizado, onde ocorreu o assassinato é um museu,.
– Escrever e detalhar sobre a Rússia, Saint Petersburg, sobre a arquitetura desta cultura não pode se resumir nestes parágrafos, mas sim incentivar você que está lendo, vir conferir.É mais tarde do que você pensa.
-Na FINLÂNDIA , terra do papai Noel, na Capital Henlsink , que foi praticamente destruída durante a segunda guerra, pois estavam ao lado da Alemanha, hoje moderna com 630 mil habitantes. O país tem uma população de 5,4 milhões. Independente desde 1917 quando da revolução russa. No centro da cidade, a catedral Luterana observa de cima o Porto por onde chegam os navios. Outra igreja interessante é Rock Church, construída usando parte de uma enorme Rocha. Nada comparável com as igrejas em Lalibela na Ethiopia construídas dentro de rochas.
– Na SUÉCIA, na Capital Stockholm, na aproximação , centenas de lhas com casas e pequenos piers. Natureza desenhada pelo maior arquiteto de todos os tempos. É o paraíso na terra. O antigo e o moderno. A cidade antiga com ruas estreitas como todas as ainda preservadas é o charme do passado é o moderno com metrô, trams, shopping centers e muita limpeza, e educação das pessoas. A Suécia, terra dos Vikings, cujo símbolo principal, barco usado nas expedições, foi resgatado do pier onde afundou em 1628, após ter ficado submergido por 333 anos, está restaurado , com 98%dos materiais originais e hoje no museu VASA, nome do barco, é também uma das maiores atrações turísticas mundiais. O Palácio Real contíguo à cidade antiga, é estupidamente grande.
– E foi aqui surgiu o prêmio Nobel, cujo cerimônia ocorre no centro da cidade e o banquete na Prefeitura , que fica majestosamente ao lado do Canal. E também originários daqui o grupo AABA.
– Na LITHUANIA, em Klaipeda . É a terceira maior cidade da Lithuania. Foi fundado em 1252. A arquitetura da cidade velha é colorida, bem conservada e é semelhante a muitas da Europa ocidental. Na costa do marca Báltico , com rica história é vida cultural, se torna mais populosa e efervescente suando um çruzeiro de turistas atraca em seu porto construído sobre as areias em 1923. Cidade pequena, de religião cristã católica cujo frio chega a menos 25C. Os alunos tem a opção de ir ou não a escola quando a temperatura chega a 20C negativos. Os jovens com os quais falei , falavam inglês.
– Na POLÔNIA, em Gdansk, cidade quase totalmente destruída no início da segunda guerra pois foi aqui em Gdanks o início, foi meticulosamente reconstruída. Atualmente uma cidade moderna, cosmopolita com ar de sofisticação.Visível a influência da arquitetura alemã , prussiana, e polonesa na arquitetura. A milênia cidade báltica Gdansk é pátria de famosos como Fahrenheit, Shopenhauer. A arquitetura de outrora , bem preservada se repete com construções novas ao mesmo estilo. Várias construções em progresso prometem deixar a cidade com um constraste elegante entre o antigo preservado e o moderno copiado.
– O monumento mais característico associado a Gdansk é um prédio de madeira, junto ao Rio Motlava, com a função de grua para levantar mercadorias dos barcos. É um exemplo da história de construções portuárias. A cidade portuária de Gdinia é o Porto de chegada ao norte da Polônia. Foi surpresa encontrar tanta arquitetura reconstruída e tantos turistas.
– No planeta temos 196 países conforme a ONU. Neste cruzeiro foram 62 nações entre os membros da tripulação que foram em número de 700. E 120 nações entre os passageiros. É um mundo flutuante e uma torre de babel em idiomas , unidos em comum pelo idioma inglês.
-Fazer uma viagem e viajar para dentro de si.
– Viajar é para sempre, viaje pelo mundo.
Viajar pelo mar báltico é testemunhar as façanhas do passado e com isto continuar inspirado a usar bem o tempo que resta. Por dois motivos.
Por quê? Porque tudo é uma questão de atitude é porque é mais tarde que você pensa.
Fotos –https://drive.google.com/open?id=0Bz9_qUt1B-ERM2pRdndfSjc1d3c
HANS, Marcos
Writer, Speaker, Administrator, Personal and Executive Coach ICI Integrated Coaching Institute.
Commercial real estate developer and a Happy World Traveller
Past Grand Secretary of Foreign Affairs- Grand Lodge of Rio Grande do Sul – Brazil
Grand Representative near Grand Lodge of India.
Past Master,33,MRA,SEM,Kt.Pr., FRC,Shriner, Potentate 2018 Hikmat Temple, SRCF VII, TOM.
See curriculum. http://www.sejalider.com.br/?p=4243

Share